sexta-feira, maio 27, 2011


segunda-feira, maio 23, 2011

Eleições em Portugal

Recebi há este envelope pelo Correio hoje. Abri, vi que era o formulário e o envelope para votação nas próximas eleições portuguesas para a Assembléia da República. Porém, estou até agora a pensar no que realmente deva fazer com esses papeis, pois não vejo um candidato ou um Partido em que possa depositar a minha confiança. Que situação! Eu sei que uma andorinha não faz a Primavera, mas acredito que deverão existir muitas andorinhas no meu bando...
Hoje ainda e durante dois ou três dias, trocarei idéias com alguns dos meus amigos em Portugal. Vou usar o Skype, MSN e outros meios de comunicação rápida.
Não quero que se repita em Portugal o que aconteceu na Espanha onde a esquerda era confiável e, mesmo assim, deram uma guinada vertiginosa à direita. Claro que sei que a esquerda, ou mais exactamente o PS, em Portugal deixa muito a desejar mas, votar na direita vai ser pior a emenda que o soneto. Aguardo mais um pouco...

Em Portugal


Osama Bin Laden foi encontrado esta semana no Mar... Morto!

terça-feira, maio 17, 2011



Voltando ao Assédio


Aproveitando que postei matéria ontem sobre o assunto (que alguns dizem ter sido tentativa de estupro e não assédio sexual, aqui vai hoje uma piadinha interessante a respeito...

*ASSÉDIO*
 Um funcionário passa perto de uma colega de escritório e lhe diz que o seu
cabelo tem "um cheiro gostoso".
Indignada, a mulher dirige-se imediatamente ao gabinete do chefe,
dizendo-lhe que quer fazer uma queixa de assédio sexual e explica o motivo.
O gerente fica admirado e pergunta:
- Mas, afinal, qual é o mal de um colega lhe dizer que o seu cabelo tem um
cheiro gostoso?

 A mulher:
       - O filho da puta é ANÃO...

segunda-feira, maio 16, 2011

Assédio Sexual

O ser humano vive em média 70 anos nos países mais desenvolvidos, ou até mais que isso nos tempos actuais. Mas tomemos como base a média assinalada.
Nesses 70 anos passamos pràticamente por três estágios de comportamento que são díspares entre si. Isto eu posso afirmar por vivência própria, apesar de não ter ainda alcançado os 70, mas já lá estar quase...
Note-se que nos anos 40 e 50 tudo o que se passasse e que dissesse respeito a manifestações ou atitudes sexuais não saía de dentro das 4 paredes de um quarto, mesmo quando de alguns casos escabrosos; era o íntimo total...
Nas décadas de 60, 70 e 80 houve um grande despertar e grandes liberdades foram conquistadas ou exteriorizadas impetuosamente. Porém, não existia essa coisa de accionar a lei e tão pouco era considerada como assédio a manifestação de interesse, o soltar de um piropo e até, acreditem, a passagem da mão numas nádegas gostosas e reboliças. 
Nestes anos 90 e nos 2000, as liberdades são totais; pratica-se sexo em qualquer esquina um pouco mais escura e nem tanto. Nos hoteis comem-se as camareiras ou estas nos aporrinham com olhares suspeitos e tudo fica por isso mesmo, a não ser que elas descubram que o indivíduo é uma alta personalilade pública ou privada e aqui a ordem dos sexos pode inverter-se, pois cabe perfeitamente o vice versa...
Oh! mundo hipócrita este em que vivemos. Eu poderia estar rico e nunca percebi ter ao meu alcance a alavancagem dessa viabilidade...
Tenho aqui na minha frente alguns jornais que todos os dias leio. Todos trazem fotos do ex chefe do FMI, Dominique Strauss-Kahn e de sua esposa Anne Sinclair. A primeira idéia que me veio à cabeça é a de que, tendo uma mulher tão gostosa assim, é mínima a possibilidade de andar procurando encrenca por aí afora, principalmente num país de moral besta como é o norte americano. Reconheço que, mesmo assim, um ou outro peixe acaba por ser pescado...
Há uma série de coisas estranhas nesta história em que estão fritando Dominique. Em primeiro lugar, é muito difícil uma camareira desconhecer que determinado quarto do hotel esteja ou não ocupado; e se estava ocupado e ela entrou, certamente estava procurando algo e encontrou; ou jamais entrou e tudo inventou.
Esta história leva-nos a pensar numa grande montagem circundada por grandes interesses de vária ordem. Aproveitaram que o indivíduo já tinha um rótulo de mulherengo e planearam a sacanagem final para o apearem do pedestal por alguns cobiçado e, ao mesmo tempo, complicarem as suas aspirações de concorrer à presidência nas eleições francesas.
Tentativa de estupro? --- Infelizmente, mais uma vez, tenho que bater nesses americanos prepotentes e de ética duvidosa. Ao mesmo tempo vai a minha saudação especial para Dominique "pé de mesa" e um alerta aos franceses para que não entrem nessa e antes manifestem confiança no seu patrício.

Maranhão

Quando li a notícia sobre o acidente do Senador Edison Lobão Filho (filho do pai... aquele que é ministro), o qual  tinha sido internado num hospital do Maranhão, fiquei meio confuso. Afinal, tinha bons hospitais no Estado do Maranhão e eu pensava que lá os políticos jamais teriam deixado alguma migalha para construção e manutenção dos mesmos. Portanto, aquele povão reclamava à toa.
Hoje, porém, vejo que o Senador veio transferido para o Hospital Albert Einstein em São Paulo, um hospital de altíssimo padrão onde só entra a fina flor e, claro está, a classe política com as despesas por nossa conta. Então, eu estava certo quanto aos meus conhecimentos sobre o Maranhão e a minha estupefacção foi passageira...
Mas devo dizer que continúo com muita pena do Maranhão. Não deveria, pois povo que vota desse jeito, tem o que merece e nada deverá reclamar.
Agora já se discute sobre a substituição do "lobinho" pelo Pastor Bel, segundo na suplência do titular. Engraçado que essas coisas têm que ser discutidas com a família...
Repentinamente pensei que não deveria mais escrever sobre o Maranhão. É perda de tempo.

terça-feira, maio 10, 2011

Os Pássaros


Existe uma empresa, que produz e instala sistemas de lava-carros (Magic Wand Car Wash System).
Recentemente esta empresa instalou um Lava-Carros em Frederick, Md , USA.

Esses sistemas são completos, e incluem até troca e recebimento de dinheiro em caixa automático. 

O problema começou quando o comprador desse sistema reclamou ao fabricante que a cada semana um certo montante de moedas era perdido.
O dono do Lava-Carros chegou a dizer que os funcionários do fabricante teriam a chave dos depósitos de moeda, e seria assim que ele estava sendo roubado.
Não acreditando que alguém estivesse fazendo aquilo, o fabricante instalou câmeras pra pegar o ladrão 'no flagra'.  
Veja o que aconteceu:

1 - Observe o passarinho sentado no orifício onde são colocadas as moedas.


2 - Agora o passarinho entra na caixa pra pegar as moedas.


3 - Veja o passarinho carregando US$0.75 em seu bico (3 moedas).


4 - O mais intrigante é que deu pra notar que isso vinha sendo feito por vários passarinhos (formaçãode quadrilha)












Uma vez identificados os ladrões, foram achados mais de US$ 4.000 em moedas de US $ 0.25 no telhado do Lava-Carros e em outros das redondezas. Vc achou que já tinha visto de tudo?
Esses pássaros devem ter sido criados e treinados em Brasília!...




quinta-feira, maio 05, 2011

Enterrem meu coração no fundo do Mar

Gerónimo foi o último dos Apaches 1829-1909. Sinto uma certa felicidade por ele ainda ter vivido no meu século...
Na sua tribo e por todos os demais índios americanos, era conhecido por Goyahkla que, na língua apache significa "O que boceja". Veio a ser conhecido por Gerónimo e assim passou à posteridade. Foram os mexicanos que passaram a chamá-lo assim depois de um confronto onde ele derrotou diversos soldados armados com facas e armas de fogo e os botou para correr chamando por São Jerônimo.
Gerónimo foi um importante líder indígena da América do Norte, comandando os apaches chiricahua que, durante muitos anos, guerrearam contra a imposição pelos brancos de reservas tribais aos povos indígenas dos Estados Unidos da América. Gerônimo era guerreiro de Cochise e depois se opôs a ele quando dos acordos com os estadunidenses. Tornou-se o mais famoso dos chamados "índios renegados".
Durante 1858 a 1886, Gerônimo atacou tropas mexicanas e estadunidenses, e escapou de diversas capturas. No final da sua carreira guerreira, seu bando contava com apenas 38 homens, mulheres e crianças. Seu bando tinha sido uma das maiores forças de índios renegados, ou seja, aqueles que recusaram os acordos com o Governo Americano.
Em 1886 foi capturado pelas forças norte-americanas, lideradas pelo general George Crook, e foi forçado a assinar um tratado pelo qual o seu povo seria reinstalado na Florida. Passados dois dias Jerónimo fugiu e deu continuidade à luta contra os colonos. Os americanos organizaram uma busca para recapturar o fugitivo, comandada pelo general Nelson Miles, que foi eficaz, porque o prisioneiro em fuga foi preso no México em setembro do mesmo ano.
O seu povo foi instalado primeiro na Florida, depois no Alabama, e por fim em Fort Sill, Oklahoma, onde se vieram a tornar camponeses. O seu líder ter-se-á convertido ao cristianismo, e chegou a participar na tomada de posse do presidente Theodore Roosevelt, em 1905. Gerônimo agia como um líder militar, sem ser chefe da tribo.
Agora que acabei de escrever este pequeno resumo da biografia de Gerónimo, ficou uma ideia sobre o homem que deu nome à recente operação militar norte americana em terras do Pakistão. E qual a razão desse nome para a operação? Em que detalhes podemos fazer uma comparação entre Gerónimo e Bin Laden?
O índio sempre foi um bravo e protagonizou incríveis fugas; o saudita só se assemelha nas fugas. Se foi em atenção ao significado do seu nome "aquele que boceja", aqui talvez as coisas se encaixem mais, pois como Bin Laden já se encontrava naquela casa há muito tempo sem ser molestado e sem entretenimentos (...), é possível que bocejasse frequentemente... "Gerónimo" também é a palavra que os paraquedistas americanos gritam quando saltam de um avião, e os Seals saíram de um helicóptero para chegar ao complexo onde o líder da Al Qaeda estava.
Bom, isso talvez venhamos a saber um dia, como sempre acabamos por saber. Chamar "Geronimo" à operação contra Bin Laden vem na linha de chamar "Cruzada" às invasões do Afeganistão e do Iraque, como em tempos fez George W. Bush: uma gaffe monumental. Contra esta indignaram-se a seu tempo os povos árabes. Contra a nova gaffe protestam agora os índios norte-americanos, nomeadamente em carta aberta do presidente da tribo apache. Houser, actual líder apache,diz em carta que escreveu, "associar o nome de Geronimo a um terrorista internacional é coisa que apenas faz perpetuar os estereótipos sobre os Apaches". E prossegue lembrando a origem desses estereótipos: "No século XIX, Geronimo e o povo Apache Chiricahua eram descritos como selvagens. A descrição era usada como justificação para deportá-los das suas terras e aprisioná-los depois".
Esse povo, os americanos não indios, sempre foi difícil de entender. São "cagadas" atrás umas das outras e nós vamos assistindo. Até quando?
E antes que alguém me aponte falha no título desta crónica querendo dizer que no mar não se enterra nada, posso argumentar que o fundo é de terra; e lembrem-se do título do célebre livro de Dee Brown...

segunda-feira, maio 02, 2011

Alentejanas e Amorosas (Vitorino)

Falso!


A foto do cadáver de Osama bin Laden é falsa 
Imagem do homem sangrando publicada pelos jornais britânicos online tem circulado pela internet há dois anos

Amelia Hill 
guardian.co.uk, segunda-feira 02 de maio de 2011 12,03 BST 
história do artigo 

Imagem pretendendo mostrar o cadáver ensanguentado de Osama bin Laden, à direita, é uma composição de duas imagens distintas, esquerda e centro. Fotografia: twitpic 
Uma imagem, aparentemente mostrando um Osama bin Laden morto transmitido pela televisão paquistanesa e publicada em sites de jornais britânicos é uma farsa. 
A imagem de um homem ensangüentado com os cabelos emaranhados e um olho branco, semi-aberto tem circulado na internet nos últimos dois anos. Foi usado nas primeiras páginas do Mail, Times, Telegraph, Sun e Mirror websites, embora rapidamente removido após a falsificação ter sido exposta no Twitter. 
Parece que a imagem falsa foi publicada inicialmente pelo jornal online themedialine.org Oriente Médio em 29 de Abril de 2009, com uma advertência do editor que era "incapaz de determinar se a foto é verdadeira ou não". 
O Daily Mail foi um dos sites de jornais a publicar a imagem falsa do corpo de Osama bin Laden. 
Desde então, porém, a imagem tem sido afirmado como verdadeiro sobre uma série de fóruns de formação de quadrilha e utilizadas para fundamentar as alegações de que o terrorista responsável pelo atentado de 11/09 atentado tinha sido morto. 
O Guardian foi um dos poucos locais a publicar a imagem manipulada em sua primeira página, relatando a existência da imagem em seu blog ao vivo, mas questionando a sua legitimidade.

Retoques de Imagem

Reparem bem nestas duas fotos. A da esquerda refere-se a Che Guevara e a da direita a Osama Bin Laden.
Um foi abatido na Bolívia e isso foi confirmado; o outro no Paquistão. Mas Bin Laden só deve ter sido visto por alguns poucos, se realmente a sua morte aconteceu...
Tem muitos e bons sistemas para se trabalharem fotografias e daí saírem óptimas montagens que deixam imperceptíveis quaisquer virtualidades.
Osama Bin Laden capturado vivo ou morto desencadearia as mesmas ondas de revolta no Mundo muçulmano. Sendo assim, porque razão não capturá-lo e preservá-lo vivo, uma vez que se sabia do seu paradeiro desde Agosto passado (...)?
Por acaso fedia muito ao ponto de tê-lo jogado ao mar ràpidamente para que ninguém mais o visse ou algo aprontasse? --- Oh! Obama. Não foi o melhor caminho trilhado para alavancar maior aprovação com vista à reeleição. Isso vai dar uma grande merda!

GPS no Carro



Dica de segurança!

Cuidados ao usar o GPS automotivo.
Uma família parte para férias, de carro, GPS ligado. A viagem transcorre normalmente e então decidem parar para lanchar ou almoçar, deixando o carro num estacionamento próximo.
Quando regressam, constatam que o seu GPS foi roubado.
Algumas horas mais tarde, os vizinhos telefonam informando que a casa deles foi assaltada. Os ladrões utilizaram a função de retorno para casa... Estavam tranqüilos sabendo que os proprietários estavam longe e que, portanto, não seriam incomodados.
Uma importante dica:
No seu GPS, mude o endereço (de partida) pelo do posto policial (que você conhece) próximo. Os ladrões ficarão com o aparelho, mas não lhe roubarão a casa! Todo cuidado é pouco!

Rumilly-en-Cambrésis

Começo hoje com um pouco de história e geografia para depois chegar ao final abordando antropologia e agricultura...
Rumilly, vou chamá-la assim, está muito em voga nestes dias que envolveram a beatificação do ex Papa João Paulo II. É uma aldeia do norte da França. Se fôsse brasileira, seria considerada cidade com toda a pompa e circunstância e, claro, ninho de políticos ladrões safados...
Esta localidade já existia milenarmente antes da conquista da Gália pelos Romanos (sem pretender ser irónico, mas sendo-o, já estou associando este pedaço francês com Roma...). Foi sempre uma aldeia mártir sob os pés de grandes invasores e também de bandidos e assassinos que ali montavam, estes últimos, a sua base operacional. Até o Bispo-Conde de Cambrai foi um pilantra. Naqueles tempos grandes bandidos avulsos conquistavam e assenhoriavam-se de cidades e fortalezas na maior "cara de pau"; foi o caso de Geraldo (O Sem Pavor) que conquistou Évora aos mouros e a ofereceu ao Rei de Portugal em troca do perdão dos seus crimes...
Em 1217 foi criada a Paróquia de Rumilly com São Nicolau como padroeiro e a situação andou calma por lá até que os ingleses (Guerra dos Cem Anos), sempre eles, aprontaram as maiores barbaridades, principalmente contra as mulheres, deixando-me até com vergonha de pormenorizar isso...
Em 1524 tudo voltou à normalidade mas, em 1553 devastaram nòvamente a aldeia (Guerra dos Trinta Anos). De 1677 até 1914 tudo ali andou em Banho-Maria, tanto sob Napoleão como perante resquícios de ataques prussianos. Porém, durante a Guerra 1914-1918, a destruição foi total. Só depois deste conflito começou a reconstrução com expansão notória até aos dias de hoje. Vejamos até quando!?...
Antes de entrar na segunda parte desta crónica, não quero deixar passar em branco o facto de o corrector ter assinalado no meu texto nada mais, nada menos que 12 erros ortográficos e, certamente, vai assinalar mais até ao fim... Claro que eu estou tranquilo e consciente quanto a isso, pois não sigo as alterações do Novo Acordo Ortográfico. Nem do novo e nem dos anteriores...
Em Rumilly nasceu em 27 de Fevereiro de 1961 uma menina a quem foi posto o nome de Marie-Pierre Normand. Quando se tornou freira aos 21 anos, passou a chamar-se Marie-Simon Pierre. Manteve-se o Pierre, talvez porque naquele lugar existe muita pedra mármore...
Não vou entrar em detalhes quanto ao citado Mal de Parkinson de que foi acometida e em cuja doença está baseado o milagre do ex Papa. Formiga-me a mão quando tenho que abordar esses assuntos pois que, sendo ateu, não aceito como realidade essas coisas e revolta-me o comércio e oportunismo em torno de tudo isso.
Sem querer, a minha atenção recaíu num detalhe que, à primeira vista, ninguém associaria a coisa alguma. Notei que as maçãs do rosto de Marie são típicas, na cor, dos grandes beberrões e apreciadores de um bom vinho tinto.Pelas imagens e características do lugar, não vi nada ali de cultivo de vinhas. Mas talvez ela tenha frequentado algum convento no sul, talvez em Perpignan, ou seja isso fruto dos bons estoques característicos das adegas dessas "Irmandades"...